Tuesday, January 09, 2007

Demasiado diferentes?

Tu vês o mundo girar, coisas a acontecer, vês sentimentos mudar, fenómenos físicos que ainda não compreendes... E perguntas-te a toda hora: "Porquê?" És um curioso, tal como eu, és um inconformado, tal como eu. Então, aonde está a diferença? Eu sonho. Eu sonho muito, demasiado. Eu sonho com algo que nunca existiu, tenho fantasias irreais e pergunto na minha ignorância: "Porque não?"
A minha felicidade está presa a um sonho que está lá no cimo... Junto às estrelas. Bem, talvez não tão alto. Talvez esteja à altura de uma nuvem de chuva.
Talvez o que eu mais deseje seja chover.
E molhar-te.
Hás-de ficar ensopado em mim.
Hás-de tremer de frio por minha causa.

E eu prometo que paro de chover e chamo a parte estrelada de mim para te aquecer.

1 comment:

inês* said...

talvez..